Humza Deas, de 17 anos, aparentemente não tem muitos medos.

Com cerca de 30 mil seguidores em seu perfil, Humza ficou conhecido como o “Outlaw Instagrammer” (“Instagrammer fora-da-lei”), por tirar fotos em locais proibidos e perigosos. Em uma de suas fotos, ele está pendurado pelos cabos de sustentação da ponte de Manhattan. Em outra, sentado na beirada de um edifício. Algumas fotos dele estão no final do post.

Até o mês passado, os feitos de Humza e seus amigos eram desconhecidos do grande público, até que um dia, duas bandeiras americanas da ponte do Brooklyn, em Nova Iorque, foram substituídas por bandeiras brancas. O fotógrafo afirma que não foi ele quem fez a troca, mas o seu hábito de frequentar lugares inusitados para tirar fotografias lhe rendeu muita confusão. Por isso, ele acabou se “revelando” para a polícia de Nova Iorque – e para o mundo – para mostrar que não estava escondendo nada.

Essa atenção demasiada, acabou rendendo ao jovem um perfil na New York Magazine, que você pode ler aqui.

with-no-signs-of-stopping-anytime-soon he-explains-that-the-best-time-to-climb-bridges-is-in-the-very-early-morning-right-after-they-shut-the-lights-off-chen-writes-of-deas but-it-garnered-tons-of-interest-for-those-who-had-never-heard-of-deas-and-the-outlaw-instagram-community he-posted-a-note-on-instagram-to-his-more-than-22000-followers-declaring-that-he-did-not-do-the-bridge-chen-writes the-community-of-outlaw-instagrammers-was-mostly-unknown-and-underground-until-earlier-this-summer the-photos-are-worth-the-trouble heres-a-shot-overlooking-times-square all-of-his-work-goes-on-instagram- deas-is-part-of-a-community-of-photographers-that-scale-buildings-and-bridges-in-nyc-looking-for-the-perfect-photo

Mais fotos podem ser vistar no seu perfil do Instagram

Via Business Insider