A beleza das paisagens sem fronteiras.

Em meio a uma das maiores crises de refugiados da história da humanidade, com milhares de pessoas cruzando a Europa em busca de uma vida melhor ou simplesmente fugindo da guerra, o fotógrafo holandês Valério Vincenzo resolveu mostrar um outro lado das fronteiras com o projeto Borderlines, the frontiers of Peace.

 

Veja também: Fotógrafo captura imagens de crianças refugiadas da Síria

O trabalho tem como base as mudanças que aconteceram na relação enter os países europeus nas últimas décadas, graças ao Acordo de Schengen. O Acordo, que previa a redução gradual das fronteiras na Europa, permitindo que as pessoas circulem mais livremente entre os países, entrou em vigor em 1995. Atualmente 25 países assinam o acordo.

Com sua câmera e um GPS, Vincenzo viajou por parte dos 16.500 km de limites entre países vizinhos, captando imagens que destoam do que normalmente esperamos de fronteiras, com seus controles e barreiras. Algumas ainda tem alguma mostram alguma demarcação na divisão dos países, enquanto em outras é difícil saber onde um país começa e outro termina.

Borderlines_Addictable (6)Borderlines_Addictable (7)Borderlines_Addictable (9)Borderlines_Addictable (11)Borderlines_Addictable (13)Borderlines_Addictable (15)Borderlines_Addictable (19)Borderlines_Addictable (22)Borderlines_Addictable (23)Borderlines_Addictable (25)Borderlines_Addictable (28)Borderlines_Addictable (32)Borderlines_Addictable (33)Borderlines_Addictable (34)Borderlines_Addictable (35)Borderlines_Addictable (1)Borderlines_Addictable (2)Borderlines_Addictable (4)

Fronteiras da europa

Todas as imagens são de Valerio Vincenzo.