Série de fotos mostra vilas e estádios abandonados após as Olimpíadas – e os investimentos desaparecendo em ruínas

No dia 5 de agosto o Brasil parou para assistir a abertura oficial dos Jogos Olímpicos, e mesmo os que criticaram o evento se apaixonaram com o espetáculo (que, sem demérito algum, realmente foi maravilhoso). Até os mais céticos se sentiram orgulhosos pelo show que o Brasil deu no Maracanã e toda a estrutura e organização que pensávamos que não ia dar certo.

Veja também: Imagens mostram parque O Mágico de Oz abandonado

A gente deseja o melhor para todos os atletas e delegações que se empenharam por anos para o evento, mas se pararmos para pensar um pouquinho, sabe quanto de investimento foi necessário para que o evento acontecesse?

R$ 39 bilhões de reais.

E pelo histórico de outros países que sediaram os jogos, é um futuro em ruínas para as instalações. Dá uma olhada:

Saravejo, 1984

Obras abandonadas olimpíadas (26) obras olimpíadasObras abandonadas olimpíadas (10)Obras abandonadas olimpíadas (25) obras olimpíadasObras abandonadas olimpíadas (13)Obras abandonadas olimpíadas (21)

Itália, Jogos de Inverno, 1956

Obras abandonadas olimpíadas (7)

Jogos de Berlim, 1936

Obras abandonadas olimpíadas (6)

Obras abandonadas olimpíadas (14)Atenas, Grécia, em 2004

Obras abandonadas olimpíadas (2)Obras abandonadas olimpíadas (12)Obras abandonadas olimpíadas (23)Obras abandonadas olimpíadas (3)Obras abandonadas olimpíadas (8)Obras abandonadas olimpíadas (17)Obras abandonadas olimpíadas (20)Obras abandonadas olimpíadas (4)

Grenoble, na França, 1968

Obras abandonadas olimpíadas (9)

Pequim, 2008

Obras abandonadas olimpíadas (19)

© fotos: divulgação

investimento via